0

Como educar os filhos em pleno século XXI

A grande dúvida que existe na maioria dos pais é como educar os filhos sem que cause problemas futuros. Os pais estão sempre preocupados com seus filhos e sempre ajudando de uma forma ou outra a criança a se adaptar na sociedade, na verdade, na sociedade diferente em que os pais foram criados.

Como educar os filhos

Atualmente os pais não possuem muito tempo para estar junto à família e filhos, e muitas vezes por não terem esse tempo suficiente, os pais acabam por passar as mãos na cabeça dos filhos e se sentem culpados quando é necessário estabelecer limites e regras de como educar os filhos.
Antigamente a maioria dos pais eram mais radicais na educação dos filhos e isso gerava, para alguns estudiosos, distúrbios emocionais na criança, gerando um adulto problemático e não preparado para enfrentar a sociedade.

Como educar os filhos

A figura do pai severo que ditava as normas e o papel da mãe que fazia com que a criança cumprisse, foi contestado e já quase não se vê mais isso. O mundo mudou desde muita inversão de valores e com a mudança do papel da mulher na família.

Os filhos tem conseguido uma maior atenção dos pais quando geram problemas, e acham os pais, simplesmente que essas atitudes são formas de liberdade de expressão dos filhos, e por isso, o filho é quem manda, tomando o controle total da situação. Se antes consideravam-se as crianças sem vontades, hoje é ela que por muitas vezes dita as regras na família, e quem acaba por abrir mão do que quer são os pais.

Como educar os filhos

Vivemos em uma sociedade que influencia o tempo todo na vida de nossas crianças, a era “digital” onde que tem mais é o melhor vem crescendo e os pais não sabem como agir mediante a alguns problemas do crescente e esmagador mundo consumista, tornando a criança cheia de vontades e caprichos.

Com o tempo a criança já começa a assimilar de forma clara as regras, a saber o que é certo de acordo com as regras dos pais, e o que não é certo. Mas é um progresso, e é um processo lento e muito trabalhoso, e quem vai ajudar a criança nesse sentido é o adulto, os educadores, e principalmente os pais. Para isso é necessário que os pais também aceitem os limites e as frustrações da vida, como por exemplo, o adulto tem que compreender que dar limites e frustrar o filho não é ser um pai ruim, e sim, ser cuidadoso e de uma certa forma protetor. Se o pai não for decisivo e impor sua autoridade nessas horas nada vai dar certo na educação do filho.

Com o desenvolvimento da criança e com a ajuda e influência dos pais é que as crianças vão aprendendo a restringir certas vontades, a já saber o que os pais vão aceitar ou não, a trocar uma coisa por outra, a aceitar que existe uma hora certa para cada atividade.

Como Educar os filhos

É preciso que os pais enfrentem a frustração dos filhos com autoridade e amor, e não volte atrás na decisão tomada na hora de impor limites, siga as regras até o fim, de maneira a permitir que ele se desenvolva para viver e enfrentar essa sociedade.

Gostou? Compartilhe esse post em sua rede social
.

ARTIGOS RELACIONADOS

Comente!

Enviar Comentário
Por: Luiz Junior © 2018 Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Criação de sites.