0

O que fazer quando os seus filhos se tornam sexualmente ativos

A sexualidade continua sendo um assunto muito difícil e delicado, em todos os aspectos. Conversar sobre esse assunto com seus filhos adolescentes requer muita amizade e intimidade, o que tem que ser adquirido com muito cuidado, pois essa intimidade depende de todo um processo e requer tempo.

É fundamental que os pais tenham um bom diálogo com as crianças e participar ativamente da vida delas, se isso ocorrer desde cedo, conversar sobre a sexualidade na adolescência será mais fácil.

filhos

Normalmente o pai fica satisfeito quando um filho homem dá início a sua vida sexual, já quando é a filha que se inicial sexualmente cedo, os pais já ficam com receio do que pode acontecer. A sociedade gera esse tipo de pensamento, mas na realidade a preocupação é a mesma se o adolescente começa a se envolver em sexo sem o conhecimento ou ter compreensão da complexidade de uma relação sexual e das suas conseqüências.

Filhos sexualmente ativos

Não antecipe a descoberta da sexualidade para seus filhos, pra tudo tem uma idade certa, não adianta se achar libeal e ter uma conversa com uma criança cheia de detalhes que ela não vai enteder mas vai despertar a curiosidade. As crianças são, o tempo todo, bombardeadas com mensagens sexuais pela mídia, com novelas, músicas filmes e até desenhos, que estão a todo momento despertando a criança para o sexo, e cabe aos pais orientá-los a respeito disso e até por certos limites.

Com isso estamos vendo os adolescentes despertando cada vez mais cedo para as necessidades sexuais antes mesmo de ter a maturidade intelectual suficiente.

Atualmente as escolas até possuem um estudo sobre educação sexual eficaz, no que diz respeito a teroria, pois na verdade, na prática a educação sexual escolar não consegue gerar na maioria dos adolescentes uma consciência sobre o impacto significativo na mu­dança de atitudes para com o sexo antes do casamento, o controle de natalidade e outros assuntos relacionados à sexualidade.

O impacto efetivo sobre a auto-estima ou como proceder com os relacionamentos sociais, na verdade são trabalhados pelos pais, dentro do contexto familiar.

filhos

Os pais possuem armas poderosas, como o próprio exemplo dentro de casa, os filhos tendem a seguir o passo dos pais. A religião também é um aspecto que gera impacto sobre o comportamento do adolescente.

Muitos pais cresceram em épocas em que a conversa sobre sexualidade não era discutida e por isso não se acham capazes de iniciar uma conversa do tipo com seu filho, mas é necessário quebrar essas barreiras para fazer com que o filho compreenda e tenha em mente o que é necessário para desenvolver um conceito saudável sobre sexualidade.

filhos

Na maioria das vezes os adolescentes,infelizmente, obtêm a maior parte das informações sobre assuntos de sexualidade com seus colegas, a mídia ou outras influências sociais. No entanto os pais precisam entender que uma hora ou outra o filho se tormará sexualmente ativo e os conselhos dado á eles farão grande diferença nas atitudes geradas.

Os pais devem respeitar a privacidade dos filhos, como uma prova de confiança, mas devem aproveitar qualquer oportunidade que se tem para estar mais próximos e observar, escutando sempre o que o filho tem a dizer. Esse diálogo tem que começar na infância.
O adulto deve também usar a mídia proporcionando oportunidades de falar sobre o assunto e realizar algumas discussões familiares sobre qual é o comporta­mento sexual adequado.

É importante comunicar os valores familiares através de exemplos e muito diálogo. Os adolescentes precisam saber o que os pais esperam deles. Se essa espera não for partilha­da dentro de casa, será partilhado fora, na sociedade.

Gostou? Compartilhe esse post em sua rede social
.

ARTIGOS RELACIONADOS

Comente!

Enviar Comentário
Por: Luiz Junior © 2018 Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Criação de sites.