0

Primeiro filho – Depressão pós parto, sintomas e tratamento

Que grandes emoções traz o primeiro filho, primeira gravidez e grande emoção de mamãe e papai. Existem mulheres que mesmo amando muito seu filho acabam tendo depressão pós parto. Nesse artigo falaremos sobre as emoções do primeiro filho e a depressão pós parto.

Primeiro filho

O primeiro filho traz muita mudança ao casal, uma vida a dois sem filhos é sempre mais folgada e sem muitas obrigações familiar porém com a chegada do primeiro filho tudo muda. Antes comida para dois e sempre que não quisesse fazer comiam apenas um lanche, em finais de semanas passeavam para qualquer lugar e chegavam a qualquer hora, era como uma vida de solteiro mas junto da pessoa amada.

Primeiro filho

Primeiro filho

Com o novo membro da família o casal passa ser preocupar também com o filho e aquela boa vida é modificada, porém com muito amor tudo é superado. Noites sem dormir, horas de almoço bem rápidas, as saídas de passeios vão sendo adiadas e os lugares passam escolhido com mais cuidados.

O pai pode sentir até um pouco de ciúmes mas isso é um pouco normal porque a mãe deve dar total atenção ao filho. Como foi dito acima o casa nesse momento deve se ama muito e entender todo esse processo. O nascimento do bebê traz para poucas mulheres, na verdade 14%, uma certa tristeza que é conhecida como Depressão pós parto.

Depressão pós parto

primeiro filho foto De mãe

primeiro filho foto De mãe

A Depressão pós parto é uma tristeza que passa por cima da grande alegria de ser mãe, é um incapacidade física e metal que traz graves problemas para a mulher e para que a rodeiam. Veja os sintomas da depressão pós parto:

* Irritabilidade, crises de choro constantes e ansiedade
* Diminuição da energia, sensação de cansaço constante
* Sensação de vazio e de tristeza constante
* Desinteresse pelo bebé
* Baixa auto-estima
* Vontade de dormir muito ou de dormir muito pouco
* Sentimentos de culpa, incapacidade, pessimismo, sensação de inutilidade
* Perda de interesse no sexo, e nas actividades lúdicas diárias
* Perda de peso ou aumento de peso excessivo
* Pensamentos de suicídio ou tentativa de suicídio
* Dificuldade de concentração e falta de memória
* Dificuldade em tomar decisões
* Sintomas físicos como: problemas de pele, dores de cabeça, problemas digestivos, dores crónicas que não desaparecem

Contudo essa depressão tem como ser curada e superada. Com a ajuda dos médicos e antidepressivos, com um longo tratamento psicológico tudo pode passar a ser superado e com , claro, ajuda da família.

Gostou? Compartilhe esse post em sua rede social
.

ARTIGOS RELACIONADOS

Comente!

Enviar Comentário
Por: Luiz Junior © 2018 Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Criação de sites.